PARCEIROS E PATROCINADORES

Em janeiro, a EDP Brasil, braço da Energias de Portugal, gigante do setor elétrico, anunciou uma contribuição de R$ 12 milhões para as obras, por meio de renúncia fiscal, possibilitada pela Lei de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet), com desembolso em quatro exercícios (2019 a 2022).

Essa não é, contudo, a primeira parceria estabelecida com o Museu do Ipiranga. Desde 2018, empresas privadas vêm contribuindo com o projeto.

Em 2018 o projeto contou com as parcerias do Banco Santander, da resseguradora IRB Brasil RE e da Petrobras.